Análise e Discussão

Ferramentas de BI são o suficiente para o sucesso das empresas?

Ferramentas de BI
0

Muito se fala sobre Business Intelligence (BI). Mas… quanto se faz? As ferramentas disponíveis no mercado oferecem uma gama de possibilidades de análise de dados, dentre caras, baratas e algumas também open source.

Todavia, é fundamental perguntar quais são os passos a serem tomados após ter a tecnologia escolhida para o início dos trabalhos, afinal, inúmeros gráficos e visualizações de dados não são o suficiente para uma entrega de Business Intelligence. A análise e a interpretação das informações para a tomada dos dados é o passo essencial para o sucesso do processo.

Inteligência para negócios

O nome já poderia ser autoexplicativo: inteligência para os negócios. Sem ela, nada acontece. Avançamos demasiadamente na forma como as máquinas nos dão resultados e respostas. Mas é preciso que o ser humano seja parte desse quebra-cabeça da análise de dados.

Dados brutos não viram insights em um passe de mágica. A tomada de decisão é um processo complexo e que depende de vários fatores, e as ferramentas de BI e outras tecnologias de Big Data Analytics são importantes para que os profissionais da equipe possam transformar tudo o que foi recolhido em informações e conhecimentos relevantes para o negócio de forma rápida.

E verdade seja dita: a ferramenta correta utilizada para o tipo de mineração e monitoramento que sua empresa precisa tem peso. Ter planilhas bem organizadas e gráficos que ilustram os números e dados é essencial. Mas eles não bastam e não encerram em si a análise.

Equipe multidisciplinar de Business Intelligence

A tecnologia ajudará o homem ir muito além do que ele hoje pode imaginar. Mas o ‘fiel da balança’, o ‘pulo do gato’, ou qualquer outra expressão que seja usada como metáfora para o sucesso, é um só: pessoas.

E mais: pessoas variadas. Sociólogos, estatísticos,  geógrafos, jornalistas, gestor de projetos, cientistas da computação, técnicos de TI, economistas etc. Uma equipe multidisciplinar é o que vai gerar o conhecimento e ajudar a sua empresa a transformar números em ação.

Os profissionais adequados e alinhados em equipe pensam em conjunto e alimentam de inteligência os dados coletados da sua empresa. Sejam eles do call center, do setor de vendas, do Facebook ou da pesquisa realizada na porta da loja. A análise passa do quantitativo ao qualitativo e isso faz toda a diferença.

O que você quer saber?

O que compram os seus clientes? É possível prever quais são as próximas necessidades do seu público-alvo? Em quem votará o eleitor ou quais as suas tendências ideológicas? Como prever com antecedência uma crise do setor de logística e evitá-la?

Saber fazer as perguntas certas é fundamental para o sucesso. Querer saber mais é a chave que abre a porta do possível com o trabalho de Big Data Analytics e Business Intelligence. E atrás dessa porta, mil outras se abrirão com tantas possibilidades novas. O conhecimento é uma construção, baseada em troca de ideias e em visões de mundos plurais: multidisciplinar e interdisciplinar.

Esqueça a velha imagem da linha de produção, com uma equipe jogando a peça semi-pronta por cima do muro para que a outra equipe encaixe mais um parafuso.  Pense mais como uma dança: um sem o outro não há harmonia. Nem resultados.

Que tipo de profissional você quer que analise seus dados? Quem teria mais chance de separar o joio do trigo em meio aos exabytes de informação? Você ainda acha que uma ferramenta sozinha é capaz de traduzir as necessidades da sua empresa?

A Hekima é uma das empresas brasileiras capazes de oferecer soluções adequadas para todas essas questões. Conheça mais aqui: www.hekima.com

Baixe_aqui_seu_Ebook_08