Dicas Monitoramento de Redes Sociais

A importância do Big Data para o gestor de marketing

A importância do Big Data para o gestor de marketing
0

Os gestores de marketing que estão em busca de conhecer melhor seu público-alvo para impulsionar as vendas com certeza já ouviram falar em Big Data, um dos termos mais mencionados no segmento nos últimos anos. Alguns profissionais ainda acreditam que este é mais um termo da moda e que o investimento em ferramentas mais completas e confiáveis para conseguir interpretar os dados não traria mais retorno do que uma ferramenta mais básica.

Mas, na prática, o que podemos ver é que as empresas que utilizam ferramentas de mineração de dados para compreender o universo do Big Data conseguem insights valiosos sobre a forma de fazer negócios. Isso ocorre especialmente nas redes sociais, espaço em que os consumidores estão passando a maior parte do tempo na internet.

 

Adaptação de estratégias

As estratégias traçadas pelas empresas no início do ano costumam sofrer grandes mudanças durante a execução em função de novidades no mercado ou no comportamento dos consumidores.

Quando a empresa tem ferramentas para analisar o Social Big Data , no entanto, consegue acompanhar melhor o que seus consumidores pensam e que tipo de produtos e serviços desejam. Dessa forma, poderá antecipar tendências para o futuro e adequar seu planejamento para atender às demandas, evitando gastos desnecessários em projetos e iniciativas que não geram valor.

 

Definição do perfil dos clientes

Todo empreendedor almeja saber o que se passa na cabeça de seus clientes, pois, caso contrário, não conseguirá criar oportunidades de negócios. Tendo em vista que a utilização das redes sociais já é a atividade número um dos consumidores na web, superando até mesmo o e-mail, segundo pesquisa do Business Insider, é lá que os gestores de marketing devem ir para conhecê-los melhor.

Nesse cenário, a captação e análise do Social Big Data proporciona vantagens competitivas para que os gestores de marketing conheçam cada vez mais sobre os clientes, não somente por meio de informações demográficas, mas também por dados relevantes sobre aquilo que gostam, como se comportam, o que dizem e como se relacionam.

 

Feedbacks mais completos

Entender o que um consumidor pensa sobre os produtos e serviços que consumiu exige tempo, esforço e investimento das organizações. Nas redes sociais, no entanto, o gestor de marketing consegue ter um retrato detalhado da percepção dos clientes analisando o alcance e engajamento das publicações e a interação dos usuários, incluindo detalhes como o sentimento deles naquele momento.

Em vez de ir atrás do cliente e perguntar, como ocorre nas pesquisas tradicionais de marketing, no Big Data o gestor tem à sua disposição informações atuais, praticamente em tempo real, com a opinião espontânea dos consumidores sobre a marca, proporcionando oportunidades únicas para melhoria nos produtos e serviços.

 

Compreendendo o grande volume de dados

Lembre-se que o termo Big Data serve para definir uma quantidade de dados tão grande e complexa que é praticamente impossível de ser administrada por métodos e softwares tradicionais.

Dessa forma, para fazer com que a equipe de marketing consiga aproveitar as vantagens do Big Data, é primordial que o gestor invista em ferramentas que possam armazenar, transmitir e analisar esse universo de informações. E atualmente, isso vem se tornando bem mais fácil em função das novas ferramentas online de mineração de dados.

E você? Já percebeu como o Big Data pode te ajudar no dia a dia? Compartilhe sua experiência!

Baixe_aqui_seu_Ebook_06