Dicas Monitoramento de Redes Sociais

O que muda nas mídias sociais com uso do Big Data?

hekima big data analytics
0

Quando se fala sobre a presença das marcas nas mídias sociais, o senso comum aponta quase sempre na mesma direção: construção de relacionamento, branding, promoção e afins. Apesar de serem usos comuns, estes são usos relevantes. Sabemos que as mídias sociais de maneira alguma podem ser negligenciadas como ferramenta para ações de marketing. Porém, analisando um pouco mais, você certamente se lembrará de uma outra utilidade importantíssima destes canais: a identificação de informações relevantes por meio do monitoramento das postagens e interações dos usuários.

O que alguns ainda não sabem é que o monitoramento de mídias sociais evoluiu para algo muito maior, aprofundado e com maior capacidade para fornecer informações estratégicas: a mineração do Social Big Data, ou seja, da grande quantidade de dados disponíveis nas redes sociais e blogs.

Então, na hora de planejar suas estratégias em mídias sociais, além de programar ações para envolver seu público e criar uma interação positiva em torno da sua marca, pense também em como você pode se beneficiar da mineração de dados deste canal.

Todos os dias o seu público está online, gerando um volume gigantesco de informações que, se coletadas e estruturadas com as ferramentas certas, podem lhe gerar valiosos dados úteis para os negócios. E é justamente isso que muda nas redes sociais com o uso do Big Data: as interações que você pode realizar a partir do conteúdo gerado nelas. São elas:

 

Mensuração de quanto sua marca engaja o público

Se você investe tempo e dinheiro em ações de marketing nas mídias sociais, já parou para se perguntar quanto resultado está obtendo? Uma forma bastante objetiva de se medir isso é avaliando quanto engajamento sua marca gera no público.

Estabelecer conexões emocionais entre marca e consumidor sempre foi um dos grandes objetivos do marketing. As mídias sociais têm o potencial de criar engajamento para as marcas e a singular possibilidade de mensurar a abrangência deste engajamento.

Isto reforça a necessidade de se aprender a dialogar com o público da forma mais adequada, para assim maximizar os resultados. E estes podem ser claramente identificados através da mineração de dados do Social Big Data.

 

Comparação e análise cruzada dos fatos

Através da comparação de fatores como o tráfego do site, vendas de produtos, investimentos em publicidade e formas do cliente interagir com as suas páginas, é possível entender claramente a eficácia de seus investimentos em mídia e fazer os ajustes necessários, entendendo se os seus gastos estão subestimados ou superestimados. A inteligência necessária para cruzar os dados e extrair indicadores é justamente o que demanda a utilização de ferramentas adequadas para mineração e avaliação de dados.

 

Antecipação de tendências

Talvez a aplicação mais desejável do Big Data seja a de antecipar tendências e, de certa forma, prever o que irá dar certo no mercado.

A tecnologia permite que as empresas analisem dados comportamentais dos clientes nas redes sociais, afim de chegar a conclusões fundamentadas a respeito de como novos produtos se sairão no mercado. Também é possível evitar ou minimizar iminentes crises nas mídias sociais, reagindo com agilidade e até em tempo real às manifestações do público no ambiente digital.

 

Como vimos, as mídias sociais podem ser usadas para muito mais do que relacionamento com o público. Através da utilização de ferramentas e tecnologias adequadas, o Social Big Data pode se converter em uma fonte de informações estratégicas extraídas por meio da mineração de dados.

Baixe_aqui_seu_Ebook_06